GALINHA D'ANGOLA DIVERSAS CORES BRANCA, CARIJÓ (COCA, GALINHOLA, CAPOTE, GUINÉ) - OVOS FÉRTEIS (valor por ovo)

Código: KCR7RCES6 Marca:
R$ 9,00 R$ 7,50
Comprar Estoque: Disponível
* Este prazo de entrega está considerando a disponibilidade do produto + prazo de entrega.

Estes ovos saem direto de outro criador da cidade de Teixeiras - MG, sendo assim, não sendo possível enviar junto com outras raças, ao efetuar o pedido, verificar disponibilidade.

Animal silvestre ganhou as propriedades rurais do Brasil e tem um nome peculiar em cada região do país. Tô-fraco, tô-fraco, tô-fraco… a galinha-d’angola (Numida meleagris), também conhecida por guiné, coca, galinha-do-mato, capote, capota, sakué, pintada, picota (na Amazônia) ou fraca, cakuê (em algumas regiões da Bahia) é uma ave da ordem dos Galliformes, originária da África e introduzida no Brasil pelos colonizadores portugueses, que a trouxeram da África Ocidental. Mesmo depois de tanto tempo sendo considerada um animal domesticado, a galinha d’angola ainda apresenta traços dos seus hábitos selvagens. Elas voam sempre que se sentem ameaçadas e escondem seus ninhos em locais de difícil acesso quando são criadas soltas na propriedade.

Controle biológico Uma das características mais interessantes da galinha da angola é a sua importante participação no controle biológico, auxiliando o equilíbrio ambiental através do consumo de insetos, formigas, carrapatos e outras pragas do meio rural. Há relatos de aumento significativo na quantidade de leite produzido e na qualidade da carne bovina fornecida em propriedades com galinhas da angola. Isso porque elas consomem essas pragas, proporcionando uma pastagem mais limpa para o gado. Assim, essas aves podem influenciar diretamente o desempenho dos bovinos e, consequentemente, o lucro do criador. Vale ressaltar que elas também se alimentam de flores, frutos, gramíneas e sementes. Carne e ovos A criação de galinha da angola pode ser destinada ao comércio da carne ou dos ovos. Saborosa, a carne dessa ave lembra muito à do faisão. Ambas são muito apreciadas na gastronomia, sendo frequentemente requisitadas por restaurantes sofisticados para compor pratos refinados. Os ovos da galinha da angola têm o gosto bem parecido com os ovos que estamos acostumados a consumir. Algumas criações não são destinadas nem ao abate nem à venda de ovos, concentrando-se somente na criação ornamental, já que as galinhas da angola possuem uma beleza singela que encanta. Sistemas de criação No sistema extensivo de criação as galinhas vivem soltas pelo campo, normalmente em casais, e reproduzem-se sem a intervenção do criador. No entanto, esse sistema inviabiliza uma produção significativa de ovos e um cuidado mais eficiente com o bem-estar das aves, pois elas gostam de explorar todo o ambiente e se dispersam facilmente. O sistema extensivo também dificulta o acesso aos ovos, já que eles são depositados em lugares de difícil acesso e muitas vezes só são encontrados quando já estão estragados. Desse modo, para obter uma boa margem de lucro, o criador deve optar pelo sistema intensivo de criação, no qual o desempenho das aves pode ser rigidamente controlado.
 

R$ 9,00 R$ 7,50
Comprar Estoque: Disponível
Sobre a loja

O Criatório Neves, localizado em Sobrália-MG trabalha com ovos férteis, pintinhos de 1 dia, franguinhas poedeiras e de corte, e aves adultas ornamentais, poedeiras e de corte para criação em sistema CAIPIRA. Trabalhamos com Índio Gigante, Rhode. Nossas aves são entregues vacinadas de acordo com nossa tabela de vacinação, Pedidos de pintinhos e franguinhas, será necessário verificar disponibilidade. Não efetuamos reservas, somente via depósito antecipado. CAIPIRA NÃO É RAÇA, É SISTEMA DE CRIAÇÃO.

Pague com
  • Mercado Pago
  • Mercado Pago
Selos
  • Site Seguro

Rodrigo da Silveira Alves Neves - CPF: 049.049.476-57 © Todos os direitos reservados. 2020